UGT escolhe no sábado entre José Abraão e Mário Mourão o sucessor de Carlos Silva

Os sindicalistas José Abraão e Mário Mourão disputam no sábado a liderança da tendência sindical socialista (TSS), numa eleição que definirá também o candidato a secretário-geral da UGT em 2022, num congresso marcado pela novidade de existirem duas candidaturas.

Os dois candidatos manifestaram otimismo quanto aos resultados das respetivas candidaturas após os muitos contactos feitos nas últimas semanas com estruturas sindicais da UGT de todo o país e setores de atividade.

José Abraão, secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública (Sintap) e da Federação Sindical da Administração Pública (Fesap) desde 2013, disse à agência Lusa que conta com os apoios formais dos socialistas do Mais Sindicato, ex-Sindicato dos Bancários do Sul e Ilhas, e do Sindicato dos Trabalhadores dos Escritórios e Serviços (Sitese).

Leia a notícia na integra em RTP.pt

Partilha este artigo na tua rede...Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someone