UGT-Madeira profundamente preocupada com a destruição de empregos

A UGT-Madeira realizou hoje uma reunião do Conselho Geral, na qual foi aprovada
uma resolução relativa ao Orçamento Suplementar, que considera ser necessário “ir
mais longe para corrigir desequilíbrios”. Esta entidade regista positivamente os
progressos, e complementaridades das alterações dos orçamentos da República e da
Região Autónoma da Madeira. Nomeadamente, o apoio extraordinário de protecção
social para trabalhadores em situação de desprotecção social, que não tenham
acesso a qualquer instrumento ou mecanismo de protecção social, nem aos apoios
sociais criados no âmbito das medidas excepcionais e temporárias (no valor mensal
de 1 IAS – 438,81€, em linha com a prestação universal que propusemos); o
pagamento a 100% do subsídio de doença em caso de COVID-19, bem como o não
acesso a apoios públicos em empresas em offshores e a criação de um complemento
para os trabalhadores em Lay-off.

leia a noticia na integra em FunchalNotícias

Partilha este artigo na tua rede...Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn0Email this to someone