Category Archives: Jornais e Diários

UGT escolhe no sábado entre José Abraão e Mário Mourão o sucessor de Carlos Silva

Os sindicalistas José Abraão e Mário Mourão disputam no sábado a liderança da tendência sindical socialista (TSS), numa eleição que definirá também o candidato a secretário-geral da UGT em 2022, num congresso marcado pela novidade de existirem duas candidaturas.

Os dois candidatos manifestaram otimismo quanto aos resultados das respetivas candidaturas após os muitos contactos feitos nas últimas semanas com estruturas sindicais da UGT de todo o país e setores de atividade.

Partilha este artigo na tua rede...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

A União Geral dos Trabalhadores acusa o Governo Regional de falta de diálogo com os parceiros sindicais.

O coordenador da UGT-Madeira, Ricardo Freitas, diz que o Governo só ouve os patrões.

A UGT-Madeira reuniu o Conselho Geral e defende a criação de um fundo regional para fazer face ao desemprego e à pobreza.

Aceda ao áudio na integra em rdp.pt

Partilha este artigo na tua rede...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone



Partilha este artigo na tua rede...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

UGT Madeira

A central sindical emitiu uma nota de imprensa em que referiu que se juntou à Confederação Europeia de Sindicatos (ETUC) no apelo às instituições europeias, “para que sejam tomadas medidas decisivas que ponham fim às práticas anti-sindicais”, que “estão a aumentar na Europa”.
“Instamos, em particular, o Governo de Portugal e os eurodeputados do Parlamento Europeu a alterarem a Diretiva sobre salários mínimos na UE, no sentido de serem proibidas as práticas anti-sindicais e de ser garantida a proteção contra a vitimização e o acesso dos sindicatos aos locais de trabalho”, afirmou.
A UGT Portugal lembrou que o artigo 4.º da proposta de diretiva obriga os Estados-membros a comprometerem-se com a “promoção da negociação coletiva em matéria de fixação de salários” e a central sindical considerou que esta é a melhor forma de garantir salários justos.
In Agência Lusa
Partilha este artigo na tua rede...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

Secretariado Nacional da UGT Portugal

O Secretariado Nacional da UGT Portugal
aprovou, por unanimidade, uma resolução que abordou os seguintes temas:
– Salário Mínimo nos 665€ – Vingou a Proposta mais razoável;
– É necessário, mais do que nunca, dinamizar a negociação colectiva;
– A reestruturação da TAP não pode passar ao lado dos trabalhadores e dos seus sindicatos. Exige-se diálogo constante;

Partilha este artigo na tua rede...Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone